Inovações das universidades e foco no desenvolvimento regional são destaques em seminário
23/11/2022 - 17:44

O Governo do Estado apresentou os avanços nos ecossistemas de inovação do Paraná no 4° Encontro Estadual de Parques Tecnológicos, nesta quarta-feira (23), em Maringá, no Noroeste do Paraná. O evento, que começou terça-feira (22), reúne gestores dos ambientes promotores de inovação, com uma programação voltada para o desenvolvimento regional e a articulação de parcerias estratégicas.

A iniciativa é do Sistema Estadual de Parques Tecnológicos (Separtec), no âmbito da Secretaria estadual da Fazenda e da Superintendência de Ciência, Tecnologia e Ensino Superior, com foco na cooperação institucional entre universidades, setor público e iniciativa privada. O intuito é ampliar e fortalecer o crescimento tecnológico e socioeconômico em todo o território paranaense.

O secretário executivo do Separtec, José Maurino de Oliveira Martins, ressaltou a importância da atuação e do papel dos parques tecnológicos. “Esse é um movimento que vem sendo construído a partir de muitas pessoas envolvidas. Os atores dos ecossistemas inovadores são as universidades, o poder público e o setor produtivo empresarial, e na medida em que dialogamos e conectamos esses públicos, conseguimos alcançar empregos melhores e o desenvolvimento regional”, afirmou.

PROGRAMAS – Desde o ano passado, o governo estadual implementou diversos programas voltados para os campos do empreendedorismo e da inovação. A expectativa é continuar articulando ações em segmentos estratégicos para o Paraná e potencializar, ainda mais, o crescimento socioeconômico regional.

Para o coordenador de Ciência e Tecnologia da Seti, Marcos Aurélio Pelegrina, o desenvolvimento tecnológico contribui para o crescimento econômico e sustentável do estado. “As soluções inovadoras propostas, a partir de pesquisas realizadas nas universidades, podem ser transformadas em benefício da sociedade, com impacto significativo na economia local e regional”, disse durante a apresentação do painel Paraná Inovador.

Uma das principais iniciativas governamentais nessa área é o Programa de Estímulo às Ações de Integração Universidade, Empresa, Governo e Sociedade, também chamado de Agência de Desenvolvimento Regional Sustentável e de Inovação (Ageuni). A ideia é estimular o crescimento econômico e social, por meio das sete universidades estaduais do Paraná.

Com recursos do Fundo Paraná, foram aplicados R$ 11 milhões nesse programa, para adequação de espaços físicos, aquisição de equipamentos e mobiliários e custeio de bolsas. A expectativa é destinar mais R$ 10 milhões para o apoio de projetos na área de pesquisa e desenvolvimento (P&D), com possibilidade de contemplar empresas incubadas e assistidas nas 18 iniciativas credenciadas de parques científicos e tecnológicos.

OUTRAS AÇÕES – Relacionado à Ageuni, o Escritório de Projetos de Engenharia (Projetek), atualmente em fase de instalação em cada uma das instituições estaduais de ensino superior, irá agilizar a elaboração de projetos de construção civil  para os municípios com menos de 30 mil habitantes.

Já o Programa de Apoio à Propriedade Intelectual com Foco no Mercado (Prime) oferta capacitação e estimula a transformação de pesquisas acadêmicas em produtos e serviços. Ainda no campo da qualificação, o programa Paraná Empreende Mais promove formação empreendedora para micro, pequenos e médios empresários, empreendedores individuais e informais e pessoas interessadas em abrir os próprios negócios. A previsão é de capacitar, no mínimo, 2.800 pessoas por ano.

O governo estadual também desenvolve programas de Residência Técnica (Restec) específicos para a área da inovação, com cursos de especialização na modalidade de ensino a distância (EaD). Atualmente, são 161 profissionais de diferentes campos do conhecimento atuando em órgãos do estado e parques tecnológicos.

PROGRAMAÇÃO – Os painéis e palestras do 4° Encontro Estadual de Parques Tecnológicos estão disponíveis, na integra, no canal do YouTube do Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas do Paraná (Sebrae/PR).

PRESENÇAS – Além dos representantes da Seti e da Sefa, participaram do evento o diretor do Departamento de Empreendedorismo Inovador do Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovações (MCTI), Marcos Cesar de Oliveira Pinto; a assessora de Projetos e Capacitação da Superintendência Geral de Inovação do Paraná, Raquel Dall'Asta Rink; o coordenador da Câmara Temática Universidade & Empresa do Separtec, Zaki Akel Sobrino; a gerente de Planejamento e Novos Negócios do Banco Regional de Desenvolvimento do Extremo Sul (BRDE), Lisiane Maldaner Astarita de Limas; o gerente da Unidade de Ambiente e Negócios Empresariais do Sebrae/PR, Luiz Antônio Rolim de Moura; e a gerente do Departamento de Desenvolvimento Tecnológico e Subvenção Descentralizada da Financiadora de Estudos e Projetos (Finep), Adriana Haguenauer.

GALERIA DE IMAGENS